Ouça ao vivo
no ar
TOP 10 MIX
Com -

Suzano vai destinar R$ 1 milhão para apoiar projetos em comunidades da BA, ES e MG

Os editais vão contemplar projetos nas áreas de geração de renda, educação, cultura e esporte, além do fortalecimento de atividades em comunidades quilombolas
Suzano vai destinar R$ 1 milhão para apoiar projetos em comunidades da BA, ES e MG
20 JUL 2021
09:21

A Suzano está lançando dois editais para seleção de projetos, contemplando mais de 20 municípios nos estados da Bahia, Espírito Santo e Minas Gerais. O objetivo é fortalecer iniciativas de geração de renda, esporte, educação e cultura nas regiões de atuação da companhia. Confira a seguir os detalhes dos dois editais.

 

Edital Quilombola

Um dos editais é específico para comunidades quilombolas e é fruto da parceria da Suzano com a Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas (Conaq). Serão disponibilizados R$ 500 mil para apoiar projetos que envolvam o fortalecimento da agricultura, beneficiamento e agregação de valor à produção rural, fortalecimento da comercialização e/ou de atividades econômicas sustentáveis, fomento ao empreendedorismo e inclusão digital.

Neste edital podem se inscrever projetos de 6 comunidades quilombolas dos municípios de Nova Viçosa, Caravelas e Ibirapuã, na Bahia; e 32 comunidades quilombolas dos municípios de Conceição da Barra, São Mateus, Jaguaré e Montanha, no Espírito Santo. Podem participar organizações da sociedade civil, agricultores familiares, cooperativas e microempreendedores individuais (MEIs) destas comunidades.

A coordenadora nacional do Conaq, Katia Penha, fala da importância da iniciativa: “Várias atividades econômicas desenvolvidas pelas comunidades quilombolas nessas regiões foram paralisadas no período de pandemia. O edital também vai contribuir para o fortalecimento institucional e comunitário, sendo uma forma de gerar a autonomia das comunidades para que, de fato, possam desenvolver os seus projetos. A iniciativa nos garante que é possível dialogar com a empresa e unificar questões”, avalia.

 

Edital Regional

O outro edital lançado pela empresa vai destinar outros R$ 500 mil a projetos que buscam contemplar quatro frentes: geração de renda, educação, esporte e cultura. Podem se inscrever organizações da sociedade civil e cooperativas. O objetivo é contemplar projetos de agricultura, artesanato, apicultura, marcenaria e outras atividades, formação de professores e fortalecimento do papel da escola; qualificação de grupos e apoio à produção cultural; capacitação e inclusão pelo esporte. 

O edital vai abranger oito municípios da Bahia (Mucuri, Nova Viçosa, Caravelas, Alcobaça, Prado, Teixeira de Freitas, Lajedão e Ibirapuã), Nanuque, em Minas Gerais, e 13 municípios do Espírito Santo (Aracruz, Cachoeiro de Itapemirim, Fundão, Ibiraçu, Vila Valério, Sooretama, Jaguaré, São Mateus, Conceição da Barra, Pedro Canário, Pinheiros, Montanha e Mucurici).

O Coordenador de Desenvolvimento Social da Suzano, Douglas Peixoto, salienta que o lançamento desses editais para destinar recursos a projetos nas comunidades visa ampliar a contribuição da empresa para a construção de territórios mais resilientes e sustentáveis no longo prazo. “Entendemos que o momento pede empatia e união e com essa iniciativa buscamos apoiar o desenvolvimento e proporcionar melhoria na qualidade de vida das comunidades com as quais nos relacionamos”, afirma ele.

 

Douglas observa que, no segundo semestre de 2020, a Suzano também lançou edital e destinou R$ 600 mil a projetos nos estados do Espírito Santo, Bahia, Maranhão, Pará e Minas Gerais. Os recursos contemplaram projetos focados em geração de renda e em iniciativas de  prevenção e combate ao coronavírus.

 

Para saber mais sobre os novos editais lançados pela empresa e fazer a inscrição de projetos,  acesse o link na bio do Instagram oficial da Suzano (instagram.com/suzano_oficial) .


Comentários Para comentar esta notícia é necessário entrar com seu login no FACEBOOK. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.