Programa

Café com Sucesso

Locutor

André Santos

9 dicas para fazer um currículo capaz de atrair atenção de grandes empresas

Uol 15 novembro 2017 14:50:40

No último ano da faculdade, a americana Katie Simon decidiu que não repetiria a comum história da recém-formada que volta a morar com os pais, sem emprego e nenhum plano profissional.

Para o site “Business Insider”, ela disse que, antes de terminar seu curso, fez um estágio a mais e participou de atividades extracurriculares e feiras de emprego. Tudo para aumentar sua rede de contatos.

Outra medida foi criar, revisar, reescrever e editar seu currículo, repetidas vezes. O esforço valeu a pena. Katiu conseguiu mais de 20 entrevistas de trabalho em empresas como o gigante Google e startups.

Veja as dicas dela para melhorar o seu CV.

1 – Pense nele como um esboço para a entrevista de trabalho dos seus sonhos

Que perguntas você gostaria que o selecionador fizesse a você? O que você gostaria de ressaltar e o que preferiria que não viesse à tona na conversa. Tenha em mente que o documento é a única fonte de informação que a empresa tem sobre você. Ele é atraente?

2 – Procure ser claro

Palavras em excesso causam confusão e esta leva a rejeição. Para cada linha que escrever, questione-se: isso melhorará a forma como a empresa me vê?

3 – Seja conciso

Tudo deve caber confortavelmente em uma página. Procure ter, no máximo, quatro subseções para cada seção. Dentro delas, faça com que cada ideia caiba em uma linha.

4 – Enfatize os resultados

Empresas contratam candidatos que trazem resultados. Por isso enfatize os seus feitos em vez das suas habilidades. Em vez de escrever “tenho conhecimento sobre gerenciamento de redes sociais”, coloque “aumentei em 20% a base de seguidores da empresa xis no Facebook”.

5 – Crie uma seção de projetos pessoais

Se faz um trabalho consistente de ação social ou tem um blog relevante, coloque isso no currículo. “Na faculdade, recomendei alterações de marca para uma ONG, que não só as implementou como as usa até hoje. Quem se importa se isso não aconteceu em um emprego formal?”, contou Katie.

6 – Conduza-os a outras fontes de informação sobre você

Coloque no currículo links de portfólio, redes sociais, blog e afins. Só certifique-se que o conteúdo seja apropriado para o perfil da empresa que você está pleiteando uma vaga.

7 – Edite as suas experiências de trabalho

Deixe no documento os locais mais relevantes em que trabalhou. A ideia é não só citar a empresa, mas as realizações importantes feitas por você nela.

8 – Inclua algo que pareça estranho

Ganhar um campeonato de surfe ou ter um canal no YouTube sobre assados pode não agregar á sua experiência profissional, mas pode dar pistas para o selecionador sobre sua capacidade de agir sobre pressão ou de empreender.

9 – Adapte-o a cada empregador

Katie diz ter um documento base, com seções opcionais, que pode tirar ou incluir de acordo com o perfil da vaga que está disputando.

Comentários

Para comentar esta notícia é necessário entrar com seu login no FACEBOOK.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.